CD Rumi Hafiz Cora

Que a beleza que amamos esteja no que fazemos”  Rumi

Produção, Seleção de Poemas, Tradução e Interpretação: Luciana Aires Mesquita

Música Original: Guilherme Vaz

Foto: Mariana Rotili. CD Rumi Hafiz Cora. Encarte, 10 págs.

Em 2003 foi gravado o CD Rumi Hafiz Cora, composto por 15 poemas, num total de 64 minutos. Uma idealização de Luciana Aires Mesquita, que também interpretou, selecionou e traduziu os poemas. A música original é de Guilherme Vaz. O CD pode ser adquirido por encomenda na Mitoludens (enviamos por correio), na Unipaz-DF e Amazon.com.

Oito poemas são do Jelaluddin Rumi, sec. XIII, 1207-1273, nasceu na província de Balkh, no Afeganistão, viveu e morreu em Konya, na Turquia. Rumi é o mais importante poeta da mística sufi e pertence à linhagem dos grandes gênios da literatura universal. Rumi foi o fundador da Ordem Mevlevi, cujos membros são conhecidos como Dervixes Girantes e que participam de dança matematicamente precisa em atmosfera de completa serenidade. Rumi expandiu seus ensinamentos por versos e conversações espontâneas registradas por seus discípulos após se dedicarem ao longo de toda a noite à dança do giro. Seus poemas, prazerosos e profundos são totalmente atuais no sentido de expandir a consciência do ser. As traduções e interpretações para o português são de Luciana Aires Mesquita, a partir das traduções em inglês de Colemann Barks e Kabir Helminski. Dois poemas já estavam traduzidos e nos foi concedido por José Jorge Carvalho.

Seis poemas são de Shams-ud-din Muhammed Hafiz, sec. XIV, 1320-1389, nasceu e viveu na cidade de Shiraz, no Irã. Padeiro, professor, poeta e mestre. Apesar de ser pouco conhecido no Ocidente, sua coleção de poemas é clássica na literatura persa. Estas versões em português são inéditas no Brasil. Hafiz tem o dom de nos trazer alegria numa celebração da vida. É o inigualável poeta que nos convida e nos encoraja a experienciar as maiores delícias divinas: a beleza e o amor. Todos os poemas foram traduzidos para o português por Luciana Aires Mesquita, a partir das traduções e interpretação em inglês de Daniel Ladinsky.

Finalmente, Cora Coralina, 1889-1985, Goiás, Brasil. Do interior goiano, Cora descobre a alma da natureza universal com a simplicidade e humildade das pedras e sementes. Humanamente lírica, sábia, delicada e forte, do coração do Brasil. Apenas um poema, Oração do Milho, mas de tamanha beleza e fortaleza, foi selecionado servindo como “esteio de aroeira” para que Luciana Aires Mesquita, também goiana, interpretasse poesia persa em axis mundi com sua cultura raiz.

Agradecimentos especiais aos poetas, tradutores, músicos e todos que colaboraram para a realização deste trabalho. Tivemos o patrocínio do FAC-DF. Estamos vendo a possibilidade de uma segunda edição, uma vez que estamos nos nossos últimos exemplares. Temos ainda a intenção de gravar um outro CD com poemas exclusivos de Hafiz.

Faça sua encomenda e enviamos o CD pelo correio!

R$40,00 a unidade + taxa de postagem